quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Assim é nossa vida...

Nossa vida é uma sequência de dias de calmaria, outros de busca de soluções, outros de realizações, uns de indecisões sobre o caminho a ser tomado. Tenho que me acostumar que viver é isso mesmo, quando se pensa que está tudo tranquilo, lá vem algo para nos surpreender e precisamos tomar a melhor decisão. Tomei a minha, na realização de um exame médico, em que poderá ficar tudo resolvido, ou terá algo mais a ser feito. Já enfrentei algo assim, por duas vezes. A última em 2006, na embolização de um aneurisma cerebral não roto. Tudo ficou solucionado, com a ajuda de Deus e das mãos hábeis de um bom especialista. Foram dias, meses, anos de atenção, revisão, sustos, mas tudo passou.  Agora, surge um probleminha a nível de artérias. Farei um cateterismo semana que vem, para diagnóstico e ver se ficará resolvido ou terá algo mais a fazer. Tenho a certeza, de que meu Pai do Céu, mais uma vez me amparará e me permitirá que minha caminhada aqui, ainda não esteja concluída, preciso continuar porque estou só, meus filhos precisam de mim, agora sem o Pai, que partiu prematuramente. Registro essa angústia aqui, com a certeza de que estarei aqui relatando,  de que tudo não passou de erro numa cintilografia que o médico precisou de maiores esclarecimentos. Os caminhos da vida são surpreendentes. Mas a fé e a esperança não me abandonam jamais. Não tenho nada, quando olho para trás e vejo tantas pessoas sofrendo com doenças graves e incuráveis e isso que estou passando torna-se leve, apenas me causa um pouco de intranquilidade, mas vai passar logo.
                                                            Luiza, aos 28/11/2013



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário