sexta-feira, 15 de agosto de 2014

UTOPIA.

        
        Estamos aqui de passagem e somos passageiros deste trem chamado vida, que não à toa percorre trilhos paralelos, que jamais se encontram, mostrando que somos singulares, que somos uma utopia e ao mesmo tempo a maior verdade do criador.
        Percorremos estes trilhos rumo a um destino imaginário, que criamos em nossas mentes e em nossos corações. Construímos nosso caminho com a certeza de que o percorreremos até o final, mas sem nos darmos conta de que dependemos do maquinista para nos conduzir E quanto ao roteiro final da viagem? Ele existe? Ou será apenas o que algumas religiões chamam de maya-ilusão?  Somos energia que se transforma em matéria, ou a matéria que se transforma em energia?
Na verdade, parece-me que nosso propósito por aqui, neste pedaço de chão, seja apenas e tão somente alcançar uma mente consciente, um espírito puro e uma alma leve que saiba, com a sutileza de uma criança, abrir as portas do paraíso para continuar nossa jornada, por novos trilhos paralelos...

(Texto escrito pela minha filha Kathia, me repassou para publicar, prefere escrever e ficar no anonimato)

luizammanfredi
Publicado no Recanto das Letras
14/08/2014

Nenhum comentário:

Postar um comentário