segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Reforma Política no Brasil.


Uma pesquisa Ibope/Estadão prova que tem muita estrada a percorrer até que o eleitor saiba bem o que é a reforma política e sobretudo se mudar o atual sistema. O trabalho mostra que dois em cada três brasileiros ouviram falar pela primeira vez do assunto - ou nem sequer conseguiram responder à questão - e menos de um em 10 entrevistados diz saber bem do que se trata. Imagina o parto para explicar – e convencer o eleitor – do voto em lista.
 Apenas 36% disseram ter conhecimento de que se discute a reforma política. Saber que o debate existe não significa estar por dentro do seu conteúdo. Só 7% disseram estar informados sobre a reforma política. Outros 34% disseram ao Ibope estar pouco informados, e a maioria absoluta disse estar "nada informado" (52%) ou nem sequer soube responder (7%).
 Considerando-se apenas os 41% que têm alguma informação, a maioria é favorável à realização da reforma política no Brasil. Mas nem todos desses 41% teoricamente informados sabem dizer, espontaneamente, do que trata a reforma política. Um em cada três (28%) não conseguiu dizer nenhuma medida específica que esteja sendo discutida para reformar a política brasileira.
 Querer enfiar em pouco tempo toda a complexidade da reforma na cachola do eleitor é como entulhar móveis e obras de arte da mansão do Eike Batista em algum barraco da Vila Cachorro Sentado.
Fernando Albrecht



Nenhum comentário:

Postar um comentário