domingo, 2 de junho de 2013

Cartinha de amor...



  • Cartinha de amor...

Enquanto não anoitece 
Vou lendo as cartas 
Do nosso noivado
E enternecido sorrio 
Do fervor desse carinho.
Ah... 
Cartinhas que contam 
O nosso grande bem
Que não nos surpreendia 
E dia a dia nos convidava
E muito mais nos encantava.

...Cartas lindas, ora...

Entretanto
Inquieto e maravilhado
Tremo a cada momento
Ofender-te ou desgostar-te
De alguma queixa.

E cá estou 
A escrever-te mais uma, - linda
No subtil afago dos sentidos
E no afecto que tanto nos deu
Sem saber que mais te peça.

Se podes, - escreve-me outra, tá?


 - José -
 Enquanto não anoitece 
 Vou lendo as cartas 
 Do nosso noivado
 E enternecido sorrio 
 Do fervor desse carinho.
 Ah... 
 Cartinhas que contam 
 O nosso grande bem
 Que não nos surpreendia 
 E dia a dia nos convidava
 E muito mais nos encantava.
 ...Cartas lindas, ora...
 Entretanto
 Inquieto e maravilhado
 Tremo a cada momento
 Ofender-te ou desgostar-te
 De alguma queixa.
 E cá estou 
 A escrever-te mais uma, - linda
 No subtil afago dos sentidos
 E no afecto que tanto nos deu
 Sem saber que mais te peça.
 Se podes, - escreve-me outra, tá?
- José -
                                  Zeca Sousa  Sousa,  Poeta, de Moçambique. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário